Quarta, 08 Fevereiro 2023

Facebook

Mercantil demite em todo o país e eleva sobrecarga de trabalho dos funcionários

Publicado em Outros bancos Domingo, 17 Outubro 2021 09:27

 

O Banco Mercantil do Brasil está demitindo funcionários em todo o país, engrossando os índices de desempregados no país, que já ultrapassa os 14 milhões de trabalhadores. A Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro) denuncia que, mesmo durante à pandemia, as agências ficam superlotadas de clientes, resultando em aglomerações que agravam o risco de contágio pela Covid-19. A situação eleva ainda a sobrecarga de trabalho para quem continua a trabalhar nas  agências.

 

“No Rio de Janeiro não acontece demissões desde o ano passado, mas nós estamos monitorando e vamos continuar a luta pela garantia dos empregos dos bancários”, afirma a diretora do Sindicato e membro da COE (Comissão de Organização dos Empregados), Marlene Miranda.

 

Reestruturação

 

Muitas das dispensas estão ocorrendo em função do processo de reestruturação no banco, com a transformação das agências do Mercantil em postos de atendimento avançados (PAAs), o que torna o atendimento à população ainda mais precário. Os sindicatos não descartam novas manifestações, inclusive campanha nas redes sociais para denunciar a prática da direção do banco.