Quarta, 05 Agosto 2020

Facebook

Campanha Nacional: bancários do BB querem mesa única de negociação

Publicado em Banco do Brasil Sexta, 31 Julho 2020 09:15

 

Os bancários do Banco do Brasil defendem que a instituição deve participar da mesa única de negociações da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) na Campanha Nacional dos Bancários 2020. Vale lembrar que nesta sexta (31) acontece uma reunião a partir das 11h. Na sequência, haverá negociação com a direção do banco público.

 

"Ao invés de discutirmos separadamente, queremos debater a renovação da Convenção Coletiva enquanto categoria. Pois isso nos fortalece e preserva nossos direitos", acredita o coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil, João Fukunaga.

 

Além das reivindicações gerais dos bancários, os funcionários do Banco do Brasil também pedem Participação nos Lucros e Resultados (PLR) no valor de três salários-base, mais verbas fixas de natureza salarial, e parcela adicional no valor fixo de R$10.742,91.

 

Na pauta geral da rodada de negociação com a Fenaban nesta sexta, está a proposta do Comando Nacional dos Bancários será apresentar um calendário, e a possibilidade de separar as negociações por temas. 

 

Durante a Campanha Nacional dos Bancários 2020, o Comando Nacional da categoria irá cobrar a defesa do Banco do Brasil como banco público; a manutenção do Acordo Coletivo de Trabalho; a ultratividade, e a ampliação de direitos contidos nas propostas da pauta de reivindicações da renovação da Convenção Coletiva de Trabalho, incluindo a regulamentação da jornada de home office.

 

Também irão reivindicar reajuste de 5% acima da inflação do período compreendido entre primeiro de setembro de 2019 e 31 de agosto de 2020; vale-refeição de R$1.045 (correspondente a 23 tíquetes de R$45,43), e vale-alimentação no mesmo valor.